O presidente do Senado, Renan Calheiros, informou durante a sessão deliberativa desta quarta-feira (4) que o PLS 141/2011, que regulamenta o direito de resposta nos meios de comunicação, será votado pelo Plenário durante o esforço concentrado anunciado para a semana do dia 16 ao 20 deste mês. O projeto, do senador Roberto Requião (PMDB-PR), deve constar da pauta do dia 18.

Aprovado na Comissão de Constituição, Justiça e Cidadania (CCJ) em maio, o PLS 141/2011 dá sete dias para o veículo publicar ou transmitir a resposta ou retificação, contados do recebimento do pedido. Caso não haja concordância, aquele que se considera vítima de matéria inverídica pode recorrer à Justiça, assegurado rito especial com duração máxima de 30 dias até a prolação da sentença.

Nos termos da proposta, a resposta ou ratificação deverá ter o mesmo destaque, publicidade, periodicidade e dimensão ou duração da matéria que a ensejou. Se determinada pelo juiz, o prazo para publicação ou transmissão não poderá ser superior a 10 dias.

Para garantir o cumprimento do direito, o juiz poderá ainda determinar multa por atraso, remoção de pessoas e coisas e suspensão das atividades dos veículos por até 90 dias.

Fonte: Agência Senado

0 respostas

Deixe uma resposta

Quer juntar-se a discussão?
Deixe seu comentário!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.